Para se proteger de agressões, mulher atira contra o próprio marido em Soledade/PB


Por pouco, as constantes brigas entre um casal não acabou em assassinato na cidade de Soledade.

Um homem saiu ferido por um disparo de espingarda entre a boca e o pescoço. A autora da violência foi a companheira.

A vítima foi conduzida para a delegacia onde prestou esclarecimentos.

A confusão ocorreu na tarde desta quarta-feira (06/02), às 16h30, na residência onde os envolvidos moram, na Rua Manoel Onofre de Souto, no Bairro São José, em Soledade, no Agreste.

Segundo o que a PM conseguiu apurar, o casal estava na maior harmonia quando de repente, a confusão começou.

Ela, de 38 anos, foi ameaçada de morte por Manoel Costa, de 45, que estava armado de uma espingarda caseira.

Houve luta corporal, de repente a arma disparou e a carga de chumbo atingiu parte da boca, mandíbula, além do pescoço do agressor.

Ele foi socorrido para o Hospital de Soledade e em seguida para o Trauma, em Campina Grande, mas não corre risco de morte.

Na residência a polícia encontrou duas espingardas e duas foices que eram usadas para ameaçar a mulher constantemente.

As brigas sempre são alimentadas pelo consumo de álcool por parte de Manoel.

Ela tem oito filhos, todos menores de idade.

Ele é albergado, havia quebrado o regime semiaberto e responde processo na comarca de São João do Cariri, de acordo com a PC.

Manoel também já foi preso por desacato e recebe auxílio reclusão.

Da Redação com Renato Diniz

Polícia Municípios

Faça o download do nosso aplicativo